[ENTREVISTA] CONHEÇA MELHOR CARLOS COSTA!


     Carlos Costa é já um nome bem conhecido dos eurofãs portugueses pelo seu gosto, publicamente declarado, pela festa eurovisiva. Natural do Funchal (Madeira), o cantor tornou-se, publicamente, conhecido com a sua aparição, aos 17 anos, no programa de caça-talentos “Ídolos”. Logo no primeiro casting tornou-se notória a sua paixão eurovisiva, tendo interpretado o tema “Invencible” da diva sueca Carola. Apesar de não ter vencido o concurso (terminou em terceiro lugar), Carlos chamou à atenção dos portugueses pelo seu potencial vocal e pelas suas coreografias arrojadas. Entretanto, tem realizado inúmeros espetáculos e aparições pelo país, levando atrás de si uma legião de fãs bastante fiéis.


     Carlos esteve em estúdio durante o ano de 2011, concretizando a gravação do seu primeiro álbum de originais. Supõe-se que o lançamento esteja para breve. Neste projeto, Carlos demonstra a sua faceta musical multifacetada, tendo empenhado funções, não só de intérprete, como também, de compositor, autor e produtor executivo.

   Atualmente, com 19 anos, Carlos torna-se num fenómeno musical (e não só!) em crescente, prometendo balançar o panorama musical português. Por enquanto, esperamos que este cantor renove e dê maior projeção ao nosso “mundinho” eurovisivo.
     Mas não só de música se faz este “ídolo pop”, Carlos também dá cartas no mundo da dança, tendo inclusive vencido concursos internacionais, e da moda – tendo assinado um contrato com a Face Models em 2012.
     Carlos Costa será o nono cantor a pisar o palco do Festival da Canção, contando com a colaboração de João Só (compositor) e Ramón Galarza (Produtor) na construção do seu tema eurovisivo. Ainda não foi disponibilizada nenhuma informação sobre a canção, mas sabendo do potencial do cantor, espera-se algo, no mínimo, explosivo.



O que o levou a concorrer ao Festival da Canção 2012?
O amor pelo meu país e pelo festival. É um evento memorável que lançou imensos nomes conhecidos de hoje em dia (alguns deles falam agora cobras e lagartos do festival mas na altura em que foi o seu respetivo momento, adoraram ter a sua oportunidade). Era também algo que tinha em “standby” para fazer, por isso graças à força de muita gente, ganhei vontade e inscrevi-me :).
AMO O FESTIVAL DESDE SEMPRE E NÃO O ESCONDO :)

Como encara o nosso processo de seleção do FC? Concorda com a escolha, em separado, de cantores e compositores?
Esse é um assunto muito vasto que requer vários pontos de vista. Gosto de mudança e odeio a monotonia. Por isso posso dizer que não discordo.

Como idealiza a sua atuação no dia 10 de Março? Já tem algo em mente?
Tenho :) SEGREDINHO MEU :)

Se conseguisse chegar ao palco da Eurovisão, em que aspetos apostaria mais?
Todos os possíveis: imagem, energia, coreografia, cenários, entrevistas, conferências de imprensa, voz, coro, música, “internacionalidade”, boa disposição e tudo o que me pudesse representar melhor a mim, ao meu país e ao meu povo. :) Acho que é isso a Eurovisão e acho que Portugal é muito mais do que aquilo que tem mostrado.
Tentaria o melhor de mim :)

Gostaria de ter a possibilidade de cantar em outra língua, que não a portuguesa?

Gostaria, não vou mentir, mas adoro cantar em português também.

Gostava de cantar com orquestra ao vivo?
Se fosse uma mais-valia a nível musical, porque não?

Quais os ingredientes secretos para "fabricar" uma música eurovisiva?
Acho que devíamos perguntar aos países de leste :) Mas tenho uma vaga ideia.

O que tem para oferecer enquanto possível representante luso na Eurovisão?
O meu talento, o meu amor, carinho, profissionalismo, dedicação e simpatia. Acho que os 13 finalistas têm esses “ingredientes”, resta escolher a melhor junção dos mesmos.

Sabendo a semifinal em que Portugal está inserido, quais as suas expetativas referentes às nossas hipóteses de qualificação para a final?
Acho que nada tem a ver com esse “inserido”, tem a ver com dar o melhor de nós em vez de dar meio gás à espera que os outros sejam mais fracos e nos deem uma “hipótese” de entrar na final por exclusão de partes. Vamos pensar mais “à frentex”, por Portugal. Estar a comparar adversários é uma atitude cobarde. :)

Que géneros musicais acha que fazem mais sucesso atualmente?

Isso varia muito e o reflexo disso são os diferentes vencedores dos anos transatos. Quase todos diferentes, mas muito empenhados em dar o seu melhor.

Acredita numa vitória portuguesa no ESC, ou considera tal ideia como uma utopia?

Se não acreditasse não concorreria. :)

Quer deixar alguma mensagem aos eurofãs portugueses?
VIVA A EUROVISÃO, VIVA PORTUGAL!!


Fonte: Festivais da Canção
Imagens: Motor de pesquisa Google
Vídeos: YouTube


08/02/2012

7 comentários:

  1. Gostei da entrevista :)

    O Carlos sempre mostrou um grande empenho em tudo o que faz, porque o faz sempre com paixão e profissionalismo. E a capacidade de surpreender está sempre lá, consegue sempre fazer algo que faz mesmo os fãs que o acompanham espantarem-se!

    Acho que ele tem muito para dar, e tem perfil para se inserir na Eurovisão e criar uma atuação ao nível das que vemos de outros países. Basta que os portugueses lhe dêem essa hipótese ;)

    ResponderEliminar
  2. Vai em frente, espero que agarres tudo o que a vida te oferece e que este seja mais um degrau para o teu futuro, força!!! bjs

    ResponderEliminar
  3. Gostei de vários aspectos apresentados na entrevista.
    O facto de pensar em expandir a sua força e talento pela Europa, com imagem, coreografia etc e alinhar também com as conferências de imprensa, entrevistas etc, acho que seria muito bom para nós.

    Acredito que esta equipa fará uma boa canção e acredito no potencial do artista, ele sabe muito bem como cativar o público e como fazer algo energético.

    Uma entrevista dada sempre com os "pés no chão" e sabendo exatamente o que quer, por isso não estou desiludido, muito pelo contrário. Força Carlos e faz um brilharete no FC e se tudo correr bem, no ESC. :)

    Parabéns aos entrevistadores :)

    ResponderEliminar
  4. Como é óbvio adorei :)
    Espero que o Carlos consiga vencer o Festival, ele merece! ;)

    ResponderEliminar
  5. Acompanho o Carlos e seu trabalho já a algum tempo. E o que sempre marcou o seu trabalho, foi o profissionalismo que sempre dedicou a tudo que faz.

    Suas actuações em palco são sempre surpreendentes e emocionantes, porque sempre o faz com muita paixão e garra.

    Sempre com coreografias marcantes, Carlos enche o palco e desliza por ele como se palco e Carlos Costa fossem um só projecto, completamente integrados.

    Além de toda a sua capacidade artística, Carlos tem também uma capacidade inata de empatia e conquista do público,angariando assim, sempre um grande número de fãs e admiradores fiéis.

    Juntando o conhecimento de como tirar o melhor proveito da comunicação social, Carlos acaba por se transformar num profissional completo, com uma capacidade ímpar de finalmente levar Portugal ao lugar que merece, como vencedor da Eurovisão.

    Carlos, continuo te acompanhando como sempre. Muitos beijinhos
    MARCIA BAPTISTA

    ResponderEliminar


Não é permitido:

. Publicar comentários de teor comercial ou enviar spam;

. Publicar ou divulgar conteúdo pornográfico;

. O uso de linguagem ofensiva ou racista, ou a publicação de conteúdo calunioso, abusivo, fraudulento ou que invada a privacidade de outrem;

. Desrespeitar o trabalho realizado pelos colaboradores do presente blogue ou os comentários de outros utilizadores do mesmo - por tal subentende-se, criticar destrutivamente ou satirizar as publicações;

. Divulgar informações sobre atividades ilegais ou que incitem o crime.

Reserva-se o direito de não serem publicados comentários que desrespeitem estas regras.

Com tecnologia do Blogger.