Roménia: país espera permanecer membro da EBU e participar no ESC 2017

Foi realizado um programa especial na Televiziunea Română (TVR), emissora romena, após o anúncio da desqualificação da Roménia do Festival Eurovisão da Canção 2016 (ESC 2016) devido a uma dívida da emissora à EBU

O objetivo do programa era deixar um espaço aberto ao público para questionar e obter respostas diretas relativamente a uma possível perda de adesão à EBU e desqualificação do país do ESC 2016. 

Surgiram questões complicadas e que demonstravam certa frustração do público romeno. O facto é que este assunto envolve muitos fatores, como o governo romeno, os cidadãos romenos que pagam licenças de TV anuais à TVR, a própria TVR e a EBU

A TVR terminou o programa com uma visão otimista, afirmando: "Nós ainda temos hipótese. Não é culpa da EBU. Primeiramente temos de resolver os nossos problemas internos. Esperamos manter-nos membros da EBU e participar na Eurovisão no próximo ano. Obrigado por estarem connosco!"

A Roménia estreou-se no Festival Eurovisão da Canção em 1994 e o seu melhor resultado é um terceiro lugar por duas vezes: em 2005, com Luminita Anghel e a canção "Let Me Try", e em 2010, com Paula Seling & Ovi e a canção "Playing With Fire”. Em 2015 o país foi representado por Voltaj e a canção “De la capăt (All over Again)”, alcançando o 15º lugar na final com um total 35 pontos.

A entrada que a Roménia levaria ao ESC 2016 - Ovidiu Anton e "Moment Of Silence":


fonte: esctoday/ vídeo: Eurovision Song Contest
25/04/2016

Sem comentários


Não é permitido:

. Publicar comentários de teor comercial ou enviar spam;

. Publicar ou divulgar conteúdo pornográfico;

. O uso de linguagem ofensiva ou racista, ou a publicação de conteúdo calunioso, abusivo, fraudulento ou que invada a privacidade de outrem;

. Desrespeitar o trabalho realizado pelos colaboradores do presente blogue ou os comentários de outros utilizadores do mesmo - por tal subentende-se, criticar destrutivamente ou satirizar as publicações;

. Divulgar informações sobre atividades ilegais ou que incitem o crime.

Reserva-se o direito de não serem publicados comentários que desrespeitem estas regras.

Com tecnologia do Blogger.