Reino Unido: sondagem da YouGov indica que britânicos querem deixar o ESC


Uma sondagem feita pela YouGov indica que os britânicos querem abandonar o Festival Eurovisão da Canção 2016 (ESC 2016) por uma margem de 20 pontos. 

As audiências britânicas do ESC 2015 caíram bastante após a popularidade de Conchita Wurst no ESC 2014. Talvez seja pelo facto de o país quase sempre perder e de ter ganho apenas cinco vezes. 

Segundo a sondagem feita a 2033 adultos britânicos, exluindo os 8% dos que "não sabem" e os 39% dos que não votariam, 60 % dizem que votariam "sair" contra os 40% dos que votariam "permanecer". 

Há também um outro país interessado em país, França, que, apesar de apenas 13.4% da população ter assistido ao ESC 2014, são mais propensos a "permanecer" (46%). Já a Suécia é o país que mais adora o ESC, com 75% de votos para "permanecer"

Uma votação feita em 2013 também na YouGov mostra que os britânicos sentem que os votos da competição já não se baseiam na música, mas sim "numa questão política".  

O Reino Unido estreou-se no Festival Eurovisão da Canção em 1957 e já ganhou cinco vezes: em 1967, com Sandie Shaw e a canção “Puppet on a String”, em 1969, com Lulu e a canção “Boom Bang-a-Bang”, em 1976, com Brotherhood of Man e a canção “Save Your Kisses for Me”, em 1981, com Bucks Fizz e a canção “Making Your Mind Up”, e em 1997, com Katrina and the Waves e a canção “Love Shine a Light”. Em 2015 o país foi representado por Electro Velvet e a canção “Still In Love With You”, alcançando o 24º lugar na final com um total de 5 pontos.

Veja os representantes do Reino Unido para o ESC 2016 - Joe and Jake e "You´re Not Alone":


Fonte: telegraph.co.uk/ vídeo: Eurovision Song Contest
02/05/2016

Sem comentários


Não é permitido:

. Publicar comentários de teor comercial ou enviar spam;

. Publicar ou divulgar conteúdo pornográfico;

. O uso de linguagem ofensiva ou racista, ou a publicação de conteúdo calunioso, abusivo, fraudulento ou que invada a privacidade de outrem;

. Desrespeitar o trabalho realizado pelos colaboradores do presente blogue ou os comentários de outros utilizadores do mesmo - por tal subentende-se, criticar destrutivamente ou satirizar as publicações;

. Divulgar informações sobre atividades ilegais ou que incitem o crime.

Reserva-se o direito de não serem publicados comentários que desrespeitem estas regras.

Com tecnologia do Blogger.