Cazaquistão: emissora diz que não sabe de nada sobre possível participação no ESC


Khabar Agency, emissora do Cazaquistão, diz que não tem informações sobre uma eventual participação do país no Festival Eurovisão da Canção 2017.

Após a mudança de regras por parte da European Broadcasting Union (EBU), que permite a que 19 novos países entrem no concurso, a emissora do Cazaquistão reagiu à notícia. "a cadeia é membro associado desde 1 de janeiro de 2016. Durante os últimos três anos que temos tentamos a nossa adesão, algo que difere de ser membro ativo. Até agora não temos o direito de votar nem de participar (...) Contudo, por vezes são feitas concessões como no caso da Austrália... Neste momento, não estamos informados sobre a participação: não há nenhuma confirmação oficial", disse Sandugash Rakhimzhanova, diretor-geral da Khabar Agency. Acrescentou ainda que uma possível participação do país só será discutida em Dezembro, na Assembleia Geral da EBU.

De acordo com as novas regras 19 novos países podem participar no certame europeu. Para além da efetivação da presença australiana, podem ser atribuídos convites a países como a África do Sul, Bangladesh, Brasil, Canadá, Cazaquistão, Chile, China, Coreia do Sul, Cuba, Estados Unidos da América, Hong Kong, Índia, Irão, Japão, Malásia, Mauritânia, Nova Zelândia, Oman e Síria.

Fonte/Imagem: ESCPortugal
20/10/2016

Sem comentários


Não é permitido:

. Publicar comentários de teor comercial ou enviar spam;

. Publicar ou divulgar conteúdo pornográfico;

. O uso de linguagem ofensiva ou racista, ou a publicação de conteúdo calunioso, abusivo, fraudulento ou que invada a privacidade de outrem;

. Desrespeitar o trabalho realizado pelos colaboradores do presente blogue ou os comentários de outros utilizadores do mesmo - por tal subentende-se, criticar destrutivamente ou satirizar as publicações;

. Divulgar informações sobre atividades ilegais ou que incitem o crime.

Reserva-se o direito de não serem publicados comentários que desrespeitem estas regras.

Com tecnologia do Blogger.