[Entrevista aos O. Torvald]: "esta é a música que tocamos há muitos anos e somos bons nisso"


VERSÃO EM PORTUGUÊS



Os O. Torvald ganharam vida em 2005 e três anos mais tarde lançaram o seu primeiro álbum. Desde aí não pararam e têm vários trabalhos editados, todos em ucraniano. "Time" é a primeira música inglesa da banda e aquela com que vão representar o país anfitrião depois de terem ganho a final nacional.


Crónicas de Eurofestivais (CE): Como é que os O.Torvald começaram? Quem é que teve a ideia de começar a banda?

O. Torvald (OT): Eu e o meu melhor amigo Dan sonhávamos com uma banda rock desde 1994, quando nos conhecemos. Em 1999 formámos a nossa primeira banda chamada "Kruti Pedali" que durou até 2005 quando formámos os O.Torvald.


CE: Seguem regularmente a Eurovisão? O que é que acham do concurso? Têm alguma memória de Portugal?

OT: Normalmente não. Mas comecei a ver no ano passado quando a Jamala ganhou. E este ano estamos a representar o nosso país. É inacreditável. Normalmente, a Eurovisão não é o nosso formato, somos artistas rock e a Eurovisão é mais pop. Este ano vamos mudar isso um bocadinho. Sobre Portugal... hmm... ouvimos que houve um problema no ano passado e Portugal não participou no concurso... está certo?... prometemos "googlar" mais (risos).


CE: Porque é que decidiram participar na final nacional ucraniana?

OT: Francamente, não tínhamos uma grande razão. Foi tipo "ok, porque não. Vamos fazer a nossa cena lá". E funcionou.


CE: Vocês estão a representar o país anfitrião. Sentem mais pressão por causa disso?

OT: Não lhe chamaria "pressão", mas estamos definitivamente mais ocupados por estes dias do que alguma vez estivemos. Estamos a preparar uma nova atuação para "Time" e há muito trabalho para fazer.


CE: Vocês têm vários álbuns lançados e todas as vossas músicas são em ucranianos. Porquê ir à Eurovisão com uma música em inglês? É mais fácil passar a mensagem e conseguir um bom lugar em inglês?

OT: Sim, é a nossa primeira música em inglês e não, não é mais fácil para nós passar a mensagem assim. Mas é um desafio que estamos prontos para enfrentar. Para nós a Eurovisão é uma oportunidade para sermos ouvidos internacionalmente, para representar o nosso país e a música rock e para fazer chegar a nossa mensagem a um público mais abrangente. Com a música em inglês temos uma chance maior de chegar a esse público.



CE: Não estamos habituados a ver muita música rock na Eurovião. Acham que isso vos pode ajudar a ter um bom lugar na final?

OTEspero que sim. De qualquer maneira, esta é a música que tocamos há muitos anos e somos bons nisso.


CE: Como é que descrevem a vossa música eurovisiva? Sobre o que é que é?

OT: É sobre viver uma vida real e mudar o foco das coisas ilusórias para aquelas que realmente importam. É sobre o valor do tempo que temos nas nossas vidas.


CE: A vossa atuação na final nacional teve muitas coisas a acontecer em palco. Vão mantê-la assim no dia 13 de maio ou vamos ter algumas surpresas?

OT: Vai ser algo totalmente diferente. Não queremos fazer a mesma atuação outra vez, não faz sentido. Mas continuarão a haver imensas coisas para ver. Por isso, preparem-se para ser surpreendidos.


CE: Ouviram alguma das outras músicas? Quais são as vossas preferidas?

OT: Ouvimos as músicas durante os concertos de Amesterdão e Londres, mas é difícil nomear favoritos porque é uma competição e estamos focados na nossa atuação em vez de nas canções dos outros concorrentes.


CE: Projetos para o futuro? Alguma coisa entusiasmante?

OT: Nova música. Novo álbum. Novos concertos. We gonna rock like never before!


CE: Podem deixar uma mensagem para os eurofãs portugueses e dizer-nos porque devemos votar em vocês?

OT: Olá Portugal!! Muito amor da Ucrânia! Votos? Não queremos saber. Oiçam a música e apreciem o espetáculo!

Oiça "Time":





ENGLISH VERSION



O. Torvald was formed in 2005 and their debut album was released three years later. Since then they haven't stop and they have several albuns, all in Ukrainian. "Time" is their first English song and they will represent the host country with it after winning the national final. 


Crónicas de Eurofestivais (CE): How did O.Torvald started? Who had the idea to start the band?

O. Torvald (OT): My best friend Dan and I were dreaming about a rock-band since 1994 when we met. In 1999 we formed our first band called ‘Kruti Pedali’ which lasted until 2005 and then we started O.Torvald.


CE: Do you usually follow Eurovision? What do you think of the contest? Do you have any favorite songs? 

OT: Usually I don't. But I started last year when Jamala won. And this year we are representing our country. It's unbelievable. Generally, Eurovision is not our format, we are Rock artists and Eurovision is more about Pop music. This year we 're about to change that a little bit. About Portugal...hmm…we heard that there was some problem last year and Portugal didn't attend to the contest…is that correct?…We promise to Google more (laughs)


CE: Why did you decide to take part in the Ukranian national final this year?

OTFrankly, we didn’t have a big reason. It was like “OK, why not. Let’s make our thing there”. And it worked.


CE: You are representing the host country. Do you feel more pressure because of that?

OT: I wouldn't call it a «pressure», but definitely we are way more busy these days than ever been. We are preparing a new show for ‘Time’ and there are a lot of work to do.


CE: You have a lot of albums released and all your songs are in Ukrainian so why going to Eurovision with an English song? Is it easier to pass the message and get a good place in English?

OTYes, it's our first ever song in English and, no, it's not easier for us to pass the message this way. But is a challange we are ready to take. For us, Eurovision is a  chance to get heard internationally, to represent our country and Rock music, and to get our message to a wider audience. With the song in English we have the best chance to reach that wide and diverse audience.



CE: We’re not used to see a lot of rock songs in the contest. Do you think that can help you get a good place in the final?

OT: I hope so. Anyway, that's the music we play for many years and we are good in it.


CE: How would you describe your Eurovision song? What is it about?

OTIt's about living a real life and shifting the focus from illusory meaningful things to ones that really matter. It’s about the value of time that we have in our lives.


CE: Your performance in the national final had a lot of things happening on stage. Will you keep it like that in May 13th or will we see some surprises?

OTIt will be something totally different. We don't want to make that same show again, that has no sense. But there still will be a lot of things to watch. So, get ready to be surprised!


CE: Have you heard any of the other songs competing this year? Which ones are your favorites?

OTWe've heard some during pre-Eurovision performances in London and Amsterdam, but it’s hard to name any favorites because it’s a competition and we are focused on our show rather than on other contestants songs.


CE: Tell us about your future projects… Anything exciting coming up?

OTNew music. New album. New live shows. We gonna rock like never before!


CE: Can you please leave a message to the Portuguese eurofans and tell us why we should vote for you?

OTHey, Portugal! Big love from Ukraine! Votes? We don't care. Just listen to the music enjoy the show!


Listen to "Time":



Fotos: radioone, escbubble/Vídeo: Eurovision Song Contest

Sem comentários


Não é permitido:

. Publicar comentários de teor comercial ou enviar spam;

. Publicar ou divulgar conteúdo pornográfico;

. O uso de linguagem ofensiva ou racista, ou a publicação de conteúdo calunioso, abusivo, fraudulento ou que invada a privacidade de outrem;

. Desrespeitar o trabalho realizado pelos colaboradores do presente blogue ou os comentários de outros utilizadores do mesmo - por tal subentende-se, criticar destrutivamente ou satirizar as publicações;

. Divulgar informações sobre atividades ilegais ou que incitem o crime.

Reserva-se o direito de não serem publicados comentários que desrespeitem estas regras.

Com tecnologia do Blogger.