Grupo de Referência da Eurovisão estará a discutir sanções contra a Rússia e a Ucrânia


Frank-Dieter Freiling, chefe do Grupo de Referência do Festival Eurovisão da Canção, terá revelado que é provável que sejam levantadas sanções contra a emissoras russa e contra a emissora ucraniana. 

As sanções serão resultado da polémica que rodeia a decisão das autoridades ucranianas de impedirem a representante russa, Julia Samoylova, de entrar na Ucrânia por ter actuado na Crimeia anteriormente. Estas sanções poderão ser uma punição financeira ou um banimento de participação até três anos.

Frank-Dieter Freiling acrescentou ainda que este conflito será um ponto importante na discussão do Grupo de Referência: "Houve uma propaganda de guerra entre os dois lados, especialmente porque o governo ucraniano e o serviços secretos ucraniano se deixaram ser apanhados numa armadilha em forma de meios de comunicação por parte da Rússia. No final, a emissora teve de decidir se iria contra o seu próprio país ou contra os seus parceiros internacionais. A escolha de rejeitar fornecer um visa à representante russa foi uma decisão popular entre o povo ucraniano."

Freiling defendeu a posição do Grupo de Referência: "Nós tentámos inverter o processo e ameaçámos levantar sanções mas, a emissora anfitriã não teve escolha e seguiu a instituição política, incluindo o presidente e os serviços secretos."

A Ucrânia terá violado o estatuto de país anfitrião do festival quando não permitiu que todos os países e artistas pudessem participar no concurso. A emissora russa terá faltado a reuniões obrigatórias no início do ano- uma violação do estatuto de país participante.

Quando perguntado sobre o tipo de sanções que serão postas nas emissoras, Freiling respondeu: "O nosso estatuto providencia, para um número de violações, de uma multa, a uma revogação de patrocinadores, a uma suspensão até três anos".

As sanções a serem impostas serão discutidas numa reunião do Grupo de Referência, dia 12 de Junho.

Fonte: wiwibloggs



Sem comentários


Não é permitido:

. Publicar comentários de teor comercial ou enviar spam;

. Publicar ou divulgar conteúdo pornográfico;

. O uso de linguagem ofensiva ou racista, ou a publicação de conteúdo calunioso, abusivo, fraudulento ou que invada a privacidade de outrem;

. Desrespeitar o trabalho realizado pelos colaboradores do presente blogue ou os comentários de outros utilizadores do mesmo - por tal subentende-se, criticar destrutivamente ou satirizar as publicações;

. Divulgar informações sobre atividades ilegais ou que incitem o crime.

Reserva-se o direito de não serem publicados comentários que desrespeitem estas regras.

Com tecnologia do Blogger.