ESC 2018: Suiça irá escolher representante a 4 de Fevereiro


A emissora nacional, SRF, anunciou o novo processo de seleção para o Festival Eurovisão da Canção 2018, rescindindo das as quotas regionais.

A SRF decidiu focar-se na voz certa para o concurso, para tentar conquistar um melhor lugar para o país no certame. A SRF SSR, associação de emissoras do país, irá convidar diversos compositores a enviar candidaturas para o certame de 1 de setembro até 22 de setembro. 

De seguida, depois de 22 de setembro, um painel de 20 jurados formado por diferentes músicos, jornalistas, eurofãs e espectadores ouvirão as canções propostas e irão selecionar as seis finalistas do concurso. Uma vez selecionadas as seis canções, a SRF SSR ensaiará cada canção com cantores diferentes para encontrar a voz perfeita para cada uma. Na final nacional, a 4 de fevereiro, o público suíço irá ter uma participação de 50% no resultado final, estando a restante votação a cargo de um júri internacional.

É de acrescentar ainda,  mesmo o processo de seleção estando aberto a compositores e letristas internacionais, os compositores e letristas suíços ou residentes no país terão prioridade no processo. As canções podem ser submetidas com um cantor de demonstração que deve esclarecer se está disponível para competir ou não.

A Suíça estreou-se no Festival Eurovisão da Canção em 1956 e já ganhou duas vezes: em 1956, com Lys Assia e a canção “Refrain”, e em 1988, com Céline Dion e a canção “Ne partez pas sans moi”. Em 2017 o país foi representado pelos Timebelle e a canção “Apollo”, alcançando o 12º lugar na segunda semifinal com um total de 97 pontos.

Fonte/Imagem: eurovoix, eurovision.tv



Sem comentários


Não é permitido:

. Publicar comentários de teor comercial ou enviar spam;

. Publicar ou divulgar conteúdo pornográfico;

. O uso de linguagem ofensiva ou racista, ou a publicação de conteúdo calunioso, abusivo, fraudulento ou que invada a privacidade de outrem;

. Desrespeitar o trabalho realizado pelos colaboradores do presente blogue ou os comentários de outros utilizadores do mesmo - por tal subentende-se, criticar destrutivamente ou satirizar as publicações;

. Divulgar informações sobre atividades ilegais ou que incitem o crime.

Reserva-se o direito de não serem publicados comentários que desrespeitem estas regras.

Com tecnologia do Blogger.