Portugal: conheça os padrinhos eurovisivos das marchas


É precisamente esta sexta-feira, na véspera do feriado da cidade de Lisboa, que desfilam pela Avenida da Liberdade as Marchas Populares do bairros da capital com muitos padrinhos "eurovisivos".


O mês de junho em Lisboa é sinónimo de arraiais, sardinhas, manjericos mas também Marchas Populares. Esta é já a 83.ª edição das Marchas de Lisboa e, entre o Marquês de Pombal e os Restauradores vão desfilar nomes bem conhecidos dos eurofãs como Lara Afonso, Pedro Granger, Nucha ou Yola Dinis.

Em competição estarão 20 bairros da capital a partir das 21 horas com transmissão direta na RTP1. Ao longo da Avenida há 11 bancadas para pouco mais de 3800 pessoas. Os quiosques da Avenida terão seis televisões onde será transmitido o evento.

Veja a lista completa de padrinhos:

Voz do Operário - Margarida Vila Nova e Ruben Gomes
Mercados - Anita Guerreiro e João de Carvalho
Ajuda - Alice Pires e Paulo Vasco
Alcântara - Andreia Rodrigues e Pedro Granger
Alfama - Cinha Jardim e João Baião
Alto do Pina - Teresa Guilherme e Bruno Cabrerizo
Bairro Alto - Yola Dinis e Felipe Gil
Baixa - Deolinda de Jesus e Carlos Quintas
Beato - Mónica Sofia e Quimbé
Bela flor - Nucha e Flávio Furtado
Benfica - Maria João Gama e Joel Branco
Bica - Liliana Santos e Tiago Torres da Silva
Carnide - Carla Chambel e Rui Neto
Graça - Carla Andrino e Mário Rui
Lumiar - Mónica Sintra e Paulo Matos
Madragoa - Débora Monteiro e João Ricardo
Marvila - Lara Afonso e Manuel Melo
Mouraria - Sofia Sousa e Ricardo Velho
Olivais - Diamantina e Telmo Miranda
Santa Engrácia - Marta Andrino e o Frederico Amaral
São Domingos de Benfica - Paula Marcelo e Henrique Feist
São Vicente - Melânia Gomes e o Gonçalo Diniz

Fonte/Imagem: ESCPortugal
12/06/2015

Sem comentários


Não é permitido:

. Publicar comentários de teor comercial ou enviar spam;

. Publicar ou divulgar conteúdo pornográfico;

. O uso de linguagem ofensiva ou racista, ou a publicação de conteúdo calunioso, abusivo, fraudulento ou que invada a privacidade de outrem;

. Desrespeitar o trabalho realizado pelos colaboradores do presente blogue ou os comentários de outros utilizadores do mesmo - por tal subentende-se, criticar destrutivamente ou satirizar as publicações;

. Divulgar informações sobre atividades ilegais ou que incitem o crime.

Reserva-se o direito de não serem publicados comentários que desrespeitem estas regras.

Com tecnologia do Blogger.