Apreciações Musicais - ESC 2016: República Checa



GABRIELA GUNCÍKOVÁ - "I STAND"




André Sousa: O piano e o violoncelo dão uma envolver vencia ao tema soberba. Pessoalmente, sentia falta de um tema deste estilo no certamente deste ano. A República Checa está de parabéns, sem dúvida alguma. 

Carolina Pinto: Bastante forte, uma melodia muito bonita, muito tocante, muito emotiva. Um tema que faz estremecer e palpitar os corações dos ouvintes. 

Catarina Gouveia: Após a injustiça do ano passado a República Checa volta ainda mais potente. "I Stand" é o melhor tema que o país já trouxe à Eurovisão. É uma balada cheia de força com um toque ligeiramente étnico, absolutamente lindíssima!

Cláudia Peres de Matos: Ainda não analisei muito bem este instrumental, mas para já parece-me uma balada enfadonha, facilmente esquecível. 

Diogo Canudo: Gosto do instrumental, com tendências para o pop contemporâneo sofisticado. Boa aposta da República Checa!

Elizabete Cruz: É uma música agradável de se ouvir, mas que sinceramente não me dá vontade de ouvir duas vezes. Não acho a melodia marcante e acho que vai acabar por ficar esquecida no meio das outras.

Jessica Mendes: É uma música bastante boa mas que acaba por não acrescentar nada de novo. O refrão é menos sombrio e mais fraco em relação às restantes partes o que faz com que a música perca um pouco da força que nos transmite no início.

Joana Martins: Gosto muito. Podia ter sucesso em qualquer lugar.  

Maria Silva: Forte, muito forte! Este tema surpreendeu-me bastante.

Pedro Emídio: Uma balada com um ritmo bem conseguido, especialmente, na parte do refrão. Apesar de ser um tema “calmo”, as variações de intensidade fazem com que este se torne bastante cativante.

Ricardo Mendes: A Republica Checa  apresenta-nos um instrumental de balada! Este tipo de baladas já estamos fartos de escutar na Eurovisão, mas não deixa de causar espanto na composição! Muito boa escolha! 


André Sousa: Um voz que se adapta de forma extraordinária ao tema. Toda a magia que circunda este tema faz com que o mesmo se destaque. Não tenho mesmo nada a apontar, só a destacar pela singularidade da voz e pela forma intensa como a composição é agarrada.

Carolina Pinto: Simplesmente inacreditável. Para além de ter um timbre de voz lindíssimo, Gabriela Gunciková atinge qualquer nota com muita facilidade. É notável a capacidade vocal da artista, e neste tema, esteve simplesmente brilhante, arrepiante. A cantora sente cada palavra que canta, pelo menos é o que transmite. 

Catarina Gouveia: Gabriela tem uma voz com muita garra que se adequa perfeitamente a esta canção. 

Cláudia Peres de Matos: A voz de Gabriela tem uma grande qualidade e um bom timbre. Vejamos como se comportará ao vivo. 

Diogo Canudo: A Gabriela tem uma excelente voz, segura e competente. Deve fazer um bom trabalho no palco eurovisivo!

Elizabete Cruz: Gabriela tem um timbre interessante, mesmo que uma voz não muito forte. No entanto, ouço-a e só imagino que isto vai correr mal em palco. Espero sinceramente estar enganada. 

Jessica Mendes: Teremos de ver se resulta ao vivo, mas se isso acontecer, é uma das melhores vozes da edição e a canção não é nada fácil!

Joana Martins: Parece que é uma excelente cantora. 

Maria Silva: Boa voz, transmite força e garra, surpreendeu-me bastante!

Pedro Emídio: A intérprete tem uma boa voz, bastante afinada e forte. Adequa-se na perfeição ao tema que apresenta.

Ricardo Mendes: A voz Gabriela agrada-me e enquadra-se muito bem ao tema apresentado.


André Sousa: Espero algo intenso, demarcado, forte. Sem grandes efeitos, simples e que passe a mensagem da melhor maneira.

Carolina Pinto: Talvez apostem na cantora sozinha em palco, mas penso que deviam investir em algo que se destacasse mais.

Catarina Gouveia: Espero que apostem tanto na performance como apostaram no videoclip da música. A cantora é bastante carismática e cativante, acredito que fará uma excelente atuação.

Cláudia Peres de Matos: Não espero uma grande performance. Provavelmente a intérprete sozinha em palco, com vento e luzes. Será importante a transmissão de emoções. 

Diogo Canudo: É neste ponto que o país tem de inovar. Não basta pôr a cantora no centro do palco e interpretar o tema. Se inovarem, conseguem a passagem à final.

Elizabete Cruz: Acho que aqui será onde a República Checa poderá marcar a diferença. No entanto, não acredito que irá ser algo que me fará gostar mais da música.

Jessica Mendes: Não acredito que a República Checa tenha uma grande atuação, mas se a cantora souber encher o palco, não é preciso mais nada.

Joana Martins: A República Checa não é conhecida por grandes atuações mas esforçaram-se em 2015 e espero o mesmo em 2016. 

Maria Silva: Seria uma boa opção jogar com o fundo e fazer uma versão mais moderna do tema ‘Somebody that I used to know’, seria algo único no festival.

Pedro Emídio: Não imagino que faça uma performance bastante elaborada e, no meu entender, também não era isso que ia valorizar este tema. Devem apostar em projeções elaboradas e num jogo de luzes adequado. 

Ricardo Mendes: Esta canção requer simplicidade.


André Sousa: A letra é poderosa, forte e arrebatadora. Juntando a mesma a uma voz e uma melodia que se conjugam entre si, só poderia sair este resultado.

Carolina Pinto: "I Stand" tem uma letra muito intensa. A letra tem uma intensidade brutal, maravilhosa. É incrível como cada palavra nos toca. 

Catarina Gouveia: É uma letra amorosa que não cai no total cliché. "Every part of me is a part of you" é algo um pouco banal, mas cantado pela Gabriela quase parece mágico! Mais do que uma letra bem feita, a forma como é defendida é muito importante.

Cláudia Peres de Matos: Um tema já muito utilizado: eu estou aqui só por tua causa. Retrata a importância de alguém para nos mantermos em pé.

Diogo Canudo: A letra é demasiado repetitiva no refrão, porém no geral está muito bem construída. 

Elizabete Cruz: Temos aqui mais uma moça que permanece por causa de outra pessoa. Não é uma má letra, mas o tema está mais do usado. 

Jessica Mendes: "I stand" é um nome parvo e demasiado repetido ao longo da canção. O refrão é bastante desinteressante e o restante é mais do mesmo.

Joana Martins: Também está muito boa. Gosto bastante.

Maria Silva: ADORO!

Pedro Emídio: Mais um tema sobre superação. No entanto, apesar de não ser original penso que conseguirá funcionar bem com os restantes elementos. 

Ricardo Mendes: Um letra ligada ao amor, à união, à solidão!   


André Sousa: A República Checa, este ano, merece um lugar na grande final.

Carolina Pinto: Definitivamente no top 5 da grande final da Eurovisão. É uma atuação brilhante. 

Catarina Gouveia: Aqui é que a história muda de figura. A República Checa nunca foi à final e este ano encontra-se numa semifinal muito forte. Por agora, não acredito em milagres... Contudo, Montenegro já teve a sua primeira vez, será esta a vez da República Checa?

Cláudia Peres de Matos: Não tem qualquer hipótese de passar à final.  

Diogo Canudo: Talvez passe à final.

Elizabete Cruz: Dado os antecedentes do país, não acredito que se qualifique. 

Jessica Mendes: Se esta canção estivesse a representar outro país, passaria facilmente à final, mas assim não deverá conseguir o apuramento.

Joana Martins: Merecem finalmente a final. Aliás isto até merece um top 10. 

Maria Silva: Top 10, sem dúvida!

Pedro Emídio: Tem qualidade para estar na final, é esperar para ver se o tema resulta ou não em Estocolmo. 

Ricardo Mendes: Passará à final de certeza absoluta.


André Sousa: 7 pontos

Carolina Pinto: 12 pontos

Catarina Gouveia: 10 pontos

Cláudia Peres de Matos: 3 pontos

Diogo Canudo: 6 pontos

Elizabete Cruz: 4 pontos

Jessica Mendes: 7 pontos

Joana Martins: 10 pontos 

Maria Silva: 10 pontos

Pedro Emídio: 7 pontos 

Ricardo Mendes: 7 pontos

Total: 83 pontos


André Sousa: Das melhores composições da República Checa. Well Done!

Carolina Pinto: Brilhante!

Catarina Gouveia: Será desta, Checa?

Cláudia Peres de Matos: You Stand in the semifinal!

Diogo Canudo: Depois da injustiça do ano passado, este ano a República Checa tem mesmo de estar na final!

Elizabete Cruz: Mais um ano para a República Checa stand fora da final. 

Jessica Mendes: Ficas, ficas e é na semifinal!

Joana Martins: A vossa ausência fez-vos bem. 2015 foi óptimo e 2016 continua. 

Maria Silva: Obrigada República Checa por esta maravilha!

Pedro Emídio: Uma boa aposta, esperemos que tenha a pontuação que merece. 

Ricardo Mendes: I stand for you, Gabriela!


 Rússia - 113 pontos; 2º Chipre - 101 pontos; 3º Hungria - 99 pontos; 4º Bósnia & Herzegovina - 84 pontos;  Islândia - 83 pontos; 6º República Checa - 83 pontos;  Azerbaijão - 80 pontos; 8º Arménia - 78 pontos; 9º Malta - 77 pontos; 10º Estónia - 75 pontos; 11º Holanda - 71 pontos; 12º Croácia - 70 pontos; 13º Moldávia - 41 pontos; 14º Áustria - 40 pontos; 15º Finlândia  - 39 pontos; 16º Grécia - 39 pontos; 17º Montenegro - 30 pontos18º São Marino - 5 pontos.

Vídeo: Eurovision.tv
03/04/2016

Sem comentários


Não é permitido:

. Publicar comentários de teor comercial ou enviar spam;

. Publicar ou divulgar conteúdo pornográfico;

. O uso de linguagem ofensiva ou racista, ou a publicação de conteúdo calunioso, abusivo, fraudulento ou que invada a privacidade de outrem;

. Desrespeitar o trabalho realizado pelos colaboradores do presente blogue ou os comentários de outros utilizadores do mesmo - por tal subentende-se, criticar destrutivamente ou satirizar as publicações;

. Divulgar informações sobre atividades ilegais ou que incitem o crime.

Reserva-se o direito de não serem publicados comentários que desrespeitem estas regras.

Com tecnologia do Blogger.