ESC 2017: quais são os requisitos para a escolha da cidade anfitriã?


A corrida para receber o próximo Festival Eurovisão da Canção continua, mas há alguns critérios definidos pela European Broadcasting Union (EBU) que vão determinar qual será a cidade a conquistar o direito de sediar a próxima edição do concurso.

O principal critério é com certeza a segurança, já que a cidade escolhida terá de ser capaz de assegurar a segurança de todos os que participem de alguma forma no concurso. A cidade anfitriã terá também de ser capaz de contribuir financeiramente para a organização de eventos na cidade durante a semana eurovisiva.

É obviamente necessária uma arena, neste caso uma capaz de receber pelo menos 7000 espetadores. A cidade precisa ter um centro de imprensa com capacidade para pelo menos 1550 jornalistas e acomodação para as delegações. Por fim a cidade deve ter um Euroclub, transportes, ter um local que permita realizar a recepção de boas vindas e fazer a promoção internacional do evento e da própria cidade.

Prevê-se que a cidade anfitriã seja escolhida e anunciada em Agosto.

Fonte: ESCToday/Imagem: Eurovisionworld
25/06/2016

Sem comentários


Não é permitido:

. Publicar comentários de teor comercial ou enviar spam;

. Publicar ou divulgar conteúdo pornográfico;

. O uso de linguagem ofensiva ou racista, ou a publicação de conteúdo calunioso, abusivo, fraudulento ou que invada a privacidade de outrem;

. Desrespeitar o trabalho realizado pelos colaboradores do presente blogue ou os comentários de outros utilizadores do mesmo - por tal subentende-se, criticar destrutivamente ou satirizar as publicações;

. Divulgar informações sobre atividades ilegais ou que incitem o crime.

Reserva-se o direito de não serem publicados comentários que desrespeitem estas regras.

Com tecnologia do Blogger.