ESC 2017: análise ao sétimo dia de ensaios


Hoje decorreu o sétimo dia de ensaios, no qual 13 concorrentes subiram ao palco em Kiev. Os vídeos dos ensaios foram disponibilizados e várias considerações podem já ser tomadas a partir destes. É por isso que esmiuçamos as performances nas diversas categorias e vos deixamos a nossa opinião sobre elas.

VOZ

Resultado de imagem para jacques houdek eurovision 2017 rehearsal

Qual é a dúvida de que Jacques Houdak tem a melhor voz masculina desta semifinal? Provavelmente, até mesmo de toda a Eurovisão. Por muito que se goste ou não se goste do estilo, é inegável que, sempre que este cantor solta uma nota, arrepia logo a espinha de qualquer pessoa. Percebe-se perfeitamente que Jacques largou um pouco a ideia de interpretar dois artistas num só (ele e Luciano Pavarrotti). Apesar desta decisão (e mesmo que continue), penso que isso não o prejudica, de todo. Jacques conseguiu calar muitas vozes críticas, que desvalorizavam imenso a canção, e tem vindo a surpreender tudo e todos.

Além disso, não posso deixar de dar uma menção honrosa à melhor voz feminina desta edição que é a simpática dinamarquesa Anja - não sei como ela consegue descer e subir aqueles tons com tanta facilidade. Neste ponto vocal também o trio OG3NE portou-se igualmente bem, mostrando que o melhor da sua presença é a qualidade artística que aquelas 3 jovens conseguem depositar. De facto, uma coisa que esta segunda semifinal tem é excelente vozes.

Resultado de imagem para imri eurovision 2017 rehearsal

Com muita pena minha, porque a proposta de Israel é um das grandes favoritas dos fãs, IMRI não esteve assim tão bem ao vivo. Nota-se perfeitamente que está bastante dedicado à sua coreografia, que até considero interessante, e do jogo com as câmaras, do que em acertar em todas as notas musicais. Esperemos que ele se aperceba disso a tempo e que melhore até à segunda semifinal. IMRI devia ter a noção das suas capacidades e, por mais que ele dance razoavelmente, se continuar a cantar da maneira como está... as pessoas só se vão lembrar dos seus desafinanços na posterioridade.

Outro país que está bastante mal neste ponto é a Estónia. Mas porque razão precisam eles de tantos coros, quando têm duas vozes muito boas a interpretar a canção? Há coisas nesta vida que não se conseguem entender...

INTERPRETAÇÃO

Imagem relacionada

Primeiro, ainda bem que a Anja teve a noção de não continuar com o vestido do primeiro ensaio! Agora, em relação à interpretação, por mais países que usem efeitos especiais, bastantes coreografias surpreendentes e várias inovações ao nível dos jogos de câmara, Anja Nissen prova, mais uma vez, que não precisa dessas coisas para dar tudo em palco. Esta proposta só ganha vida porque a fantástica dinamarquesa sabe como conseguir dar a volta à mesma e arrasar.

Também, igualmente ao nível das excelentes interpretações, não nos podemos esquecer dos Fusedmarc, da Lituânia, que estão completamente confortáveis com o tema, com Jaci Pápai, que tenta demonstrar toda a sua dor para as câmaras e para a interacção com a bailarina, e com o duo Valentina Monneta e Jimmie Wilson, que metem logo um sorriso na cara a quem os vê.

Resultado de imagem para brendan murray rehearsal eurovision.tv

No canto oposto está o jovem irlandês, Brendan Murray. Mesmo que não seja um caso assim tão dramático, porque temos aqui neste lote excelentes artistas e é difícil escolher o pior porque são todos bons, Brendan não parece assim tão confortável com o palco e com as câmaras. Por mais que tenha uma excelente voz (por vezes é um pouco irritante devido à sua extrema jovialidade) e um palco interessante, não consegue criar uma conexão, uma ligação próxima, com os telespectadores. Talvez precise de sorrir mais, de sentir mais a música, de acreditar que consegue chegar à final. Parece-me que até agora tem tido uma atitude muito derrotista - e a Irlanda tem tantas chances como os outros países... 

Um pouco de desilusão também surgiu da Estónia. Por mais que eles sejam dois excelentes artistas e intérpretes, não criam qualquer ligação um com o outro em palco e nota-se perfeitamente que Koit Tomme é claramente superior a Laura. Esses pormenores não deviam mostrados assim aos telespectadores com tanta facilidade...

PRESENÇA DE PALCO

Resultado de imagem para naviband rehearsal eurovision.tv

"Story of my Life" não é a melhor música deste ano - apesar de ser diferente se compararmos com as propostas que existem este ano. Mas o duo Naviband vai ganhar imensos pontos com o ambiente que criam em palco. Eles não precisam de fazer muita coisa, são demasiados carismáticos e simpáticos e vão sempre deixar uma boa sensação aos telespectadores. Eles vão mostrar, rapidamente e facilmente, que a diferença também é boa, pode quebrar barreiras linguísticas e musicais, e mudar até mentalidades. É talvez das propostas mais fortes desta semifinal ao vivo.

Mais uma vez, a presença de palco de São Marino é contagiante. Valentina Monneta já mostrou várias vezes que, com uma música fraca, consegue fazer muita coisa. E é isso que acontece novamente. Apesar de muitos considerarem a atuação um pouco antiquada, uma coisa que nunca é antiquada é a diversão e a alegria deles.

Resultado de imagem para jowst rehearsal eurovision.tv

Este ponto é muito fácil de entregar. Com tantos efeitos visuais, de jogos de câmaras, de cores, de luminosidade, é natural que a presença de palco deixe um pouco a desejar dos JOWST, da Noruega. O vocalista pode estar aceitável em palco e seguir muito a linha que fez na final norueguesa, no entanto, se imaginarmos a atuação sem estes detalhes visuais todos, perderia tudo porque não tem força e carisma para cativar tantos votos. 

Também a Irlanda deixa um pouco a desejar na presença de palco, como já supracitado acima, o que é de facto uma pena. Além disso, não nos podemos esquecer da Suíça: com tantas coisas inseridas em palco, a cantora perde-se um pouco por ali e não sabe muito bem para onde se virar. Mais valia seguirem a mesma linha da final suíça, que faziam uma excelente figura.

PALCO

Resultado de imagem para bulgaria rehearsal eurovision.tv

Qualquer fã eurovisivo está curioso para ver como a proposta búlgara vai resultar em palco. O trabalho em palco que esta delegação, a emissora anfitriã e a EBU estão a ter cuidadosamente obriga a que todos pensem que estamos perante um caso de Winner Alert. O ambiente criado em palco, que parece que o artista está fechado dentro de uma caixa com imensos efeitos visuais, fascina qualquer um que goste de apresentações diferentes, originais e modernas. A Bulgária tem provado várias vezes que não está no concurso a brincar, e se tudo correr da forma como planeiam e como imaginamos na nossa cabeça... pode facilmente ganhar esta semifinal.

Os palcos da Bielorrússia e da Lituânia também estão bastante interessantes - e, de certeza que vão resultar bastante bem em televisão. Estes dois países são bons exemplos que conseguiram um palco que se adequasse perfeitamente à canção que defendem.

Resultado de imagem para timebelle rehearsal eurovision.tv

Mas o que se passou com a Suíça este ano? Se querem arruinar uma música excelente na Eurovisão com um palco horrível, não se preocupem, falem com a delegação da Suíça que ela de certeza que vos ajuda. Não consigo entender o porquê da utilização do rosa e do amarelo, numa proposta tão contemporânea e sofisticada - possivelmente dourado resultaria bastante melhor. O palco é, sem sombra de dúvida, um dos mais pirosos do ano. Aqui está a prova que má utilização do palco pode estragar o rumo do país no concurso. A Suíça arrisca-se a ficar na semifinal, mais uma vez.

Outro palco de mau gosto é o da Croácia, um arco-íris, florzinhas? Mas o que é que isto tem a ver com a música croata? Pois bem, nada, não é verdade? Também outro palco que deixa um pouco tristes é o de Israel, que é bastante escuro e negro para uma proposta tão alegre e dançante.

A única coisa que deixa os fãs mais calmos é que não foram utilizadas tantas caras hoje no palco, como aconteceu ontem. Ufa!

Melhor ensaio do dia: Bielorrússia
Pior ensaio do dia: Suíça


Imagens: Eurovision.tv

Sem comentários


Não é permitido:

. Publicar comentários de teor comercial ou enviar spam;

. Publicar ou divulgar conteúdo pornográfico;

. O uso de linguagem ofensiva ou racista, ou a publicação de conteúdo calunioso, abusivo, fraudulento ou que invada a privacidade de outrem;

. Desrespeitar o trabalho realizado pelos colaboradores do presente blogue ou os comentários de outros utilizadores do mesmo - por tal subentende-se, criticar destrutivamente ou satirizar as publicações;

. Divulgar informações sobre atividades ilegais ou que incitem o crime.

Reserva-se o direito de não serem publicados comentários que desrespeitem estas regras.

Com tecnologia do Blogger.