ESC 2017: o que foi dito na conferência de imprensa


Após a sua vitória, Salvador Sobral esteve à conversa com a imprensa, onde mais uma vez deixou clara a sua personalidade e o seu amor pela música.

"se puder trazer alguma mudança à música em geral seria a minha melhor alegria. Precisamos de música com conteúdo, com letras lindas. Se ajudar a trazer alguma mudança à música ficarei muito feliz. Tudo o que eu quero é fazer música e cantar e acho que as pessoas viram isso. Nas próximas edições espero que os países tragam músicas diferentes", declarou o cantor, que diz que foi muito bom ter sentido o apoio dos fãs e espera que o festival possa agora tomar um rumo diferente. 

Sobre o seu futuro e sobre como esta vitória o vai influenciar, Salvador diz que"Vou continuar a fazer o meu trabalho. Trabalhar no meu segundo álbum. Nunca escrevi uma canção para tocar nas rádios. O meu álbum saiu em 2016 e ninguém lhe ligou nenhuma. Depois deste festival as pessoas ficaram a conhecer-me e compraram-no. É espetacular mas só quero viver a minha vida.", completando ainda que não se sente como um herói nacional. 

Já Luísa Sobral, compositora da música, considera que foi a interpretação do irmão que fez as pessoas votaram, aliado à simplicidade da música.

Jon Ola Sand esteve presente na conferência de imprensa e entregou a organização do próximo festival a Portugal, afirmando que será um desafio complicado mas benéfico para a cidade anfitriã e o país. Concordou ainda que Salvador Sobral e a sua vitória trouxeram a música de novo para o concurso.

Fonte/Imagem: ESCPortugal




Sem comentários


Não é permitido:

. Publicar comentários de teor comercial ou enviar spam;

. Publicar ou divulgar conteúdo pornográfico;

. O uso de linguagem ofensiva ou racista, ou a publicação de conteúdo calunioso, abusivo, fraudulento ou que invada a privacidade de outrem;

. Desrespeitar o trabalho realizado pelos colaboradores do presente blogue ou os comentários de outros utilizadores do mesmo - por tal subentende-se, criticar destrutivamente ou satirizar as publicações;

. Divulgar informações sobre atividades ilegais ou que incitem o crime.

Reserva-se o direito de não serem publicados comentários que desrespeitem estas regras.

Com tecnologia do Blogger.