ESC 2018: RTP vai analisar todas as possibilidades para o certame


O presidente da Rádio e Televisão de Portugal (RTP), emissora pública portuguesa, afirmou que irá "analisar de cabeça aberta todas as possibilidades" para o Festival Eurovisão da Canção (ESC) 2018.

Gonçalo Reis, presidente da Rádio e Televisão de Portugal (RTP), disse que a estação irá "analisar de cabeça aberta todas as possibilidades" para a realização do Festival Eurovisão da Canção (ESC) 2018. Afirmou ainda que "a RTP está numa fase em que (...) analisamos os cadernos de encargos, ou seja, as obrigações e as exigências que nos são colocadas".

Ao ser questionado sobre o Conselho Metropolitano do Porto ter sugerido o Europarque, em Santa Maria da Feira, o presidente da RTP respondeu que organizar o certame "é uma oportunidade para a RTP, para a indústria da música e para Portugal", acrescentando que vão "escolher opções seguras e sempre, sempre, com caráter nacional" e afirmando que a emissora "tem uma presença nacional que temos que honrar". 

Gonçalo Reis fez também questão de frisar que, embora hajam "cadernos de encargos muito significativos com detalhes técnicos exigentes", a emissora tem "todas as competências técnicas" em "termos de saber fazer estes grandes eventos".

Fonte/Imagem: ESCPortugal




Sem comentários


Não é permitido:

. Publicar comentários de teor comercial ou enviar spam;

. Publicar ou divulgar conteúdo pornográfico;

. O uso de linguagem ofensiva ou racista, ou a publicação de conteúdo calunioso, abusivo, fraudulento ou que invada a privacidade de outrem;

. Desrespeitar o trabalho realizado pelos colaboradores do presente blogue ou os comentários de outros utilizadores do mesmo - por tal subentende-se, criticar destrutivamente ou satirizar as publicações;

. Divulgar informações sobre atividades ilegais ou que incitem o crime.

Reserva-se o direito de não serem publicados comentários que desrespeitem estas regras.

Com tecnologia do Blogger.