Irlanda: Presidente da Câmara de Dublin apela a boicote ao ESC 2019


O Presidente da Câmara de Dublin, Michael Mac Donncha, afirma que a Irlanda deveria boicotar a próxima edição do Festival.

Michael Mac Donncha, Presidente da Câmara de Dublin, afirma que a Irlanda não deve participar no Festival Eurovisão da Canção (ESC) 2019, que se realizará em Israel, de forma a mostrar solidariedade com o povo da Palestina.




Proibido de entrar em Israel por participar numa conferência a convite da Autoridade Palestiniana, Mac Donncha e a Câmara de Dublin foram acusados de encetar uma campanha de ódio e discriminação, pela embaixada de Israel.

Para Michael Mac Donncha, a Irlanda deveria recusar-se a participar no festival, em protesto contra o tratamento que o povo palestiniano está a ter por parte de Israel, destacando a provação que este está a passar.

Relembramos que Israel venceu o ESC 2018, pela quarta vez, com Netta e a música "Toy", que arrecadou um total de 529 pontos. 

Fonte: Dublin Live

Sem comentários


Não é permitido:

. Publicar comentários de teor comercial ou enviar spam;

. Publicar ou divulgar conteúdo pornográfico;

. O uso de linguagem ofensiva ou racista, ou a publicação de conteúdo calunioso, abusivo, fraudulento ou que invada a privacidade de outrem;

. Desrespeitar o trabalho realizado pelos colaboradores do presente blogue ou os comentários de outros utilizadores do mesmo - por tal subentende-se, criticar destrutivamente ou satirizar as publicações;

. Divulgar informações sobre atividades ilegais ou que incitem o crime.

Reserva-se o direito de não serem publicados comentários que desrespeitem estas regras.

Com tecnologia do Blogger.